segunda-feira, 8 de maio de 2017

Flor da Primavera vence concurso de Lampião e Maria Bonita

Lampião e Maria Bonita casal campeão é da Junina Flor da Primavera

A Quadrilha Junina Girassol das Três Marias realizou no último sábado (6), o Concurso que elegeu o melhor casal de Lampião e Maria Bonita e o melhor Grupo de Cangaço, entre os que participaram da 6ª edição do Projeto “Uma Noite no Sertão”.
Com a quadra da sede social localizada à rua das Camélias na Zona Sul de Porto Velho a direção da Girassol recebeu os inscritos pelos grupos Nova Estação, Mocidade Junina, Juabp, A Roça é Nossa e Flor da Primavera. Cada grupo teve no máximo 10 minutos, para mostrar aos jurados seus espetáculos. A primeira a entrada na arena foi a Nova Estação dirigida pelo Allan Berg, seguida da Mocidade Junina do Rodrigo, Juabp do Big, A Roça é Nossa do Fernando Rocha e a Flor da Primavera da dona Terezinha.
O Cangaço da Juabp foi o vencedor do concurso

Ainda se apresentaram como convidados especiais, os grupos de dança Cia. Tisuname, Estrava Dança e Itens do Bumbá Mirim Brilhantinho. A atração nacional, veio da Junina Mistura Gostosa de Campina Grande -PB onde acontece o Maior São João do Mundo o casal de Lampião Biel Gomes e Maria Bonita Shakyra Farias.
Após a dança de todos os quadrilheiros presentes na ATC, aproximadamente 800 dançarinos todos comandados pelo Allan Veck, pelo cantor Thiago e tecladista André, foram divulgados o resultado já era mais de 2 horas da madrugada.
Shakyra e Biel vieram de Campina Grande (PB)



CANGAÇO





1º Lugar Grupo da Juabp (Renan Beni, Simone, Thiago Pereira e Camila Tenório) que obteve dos jurados 98 Pontos.
2º Lugar Junina A Roça é Nossa com 94,2
3º Lugar Junina Flor da Primavera



LAMPIÃO E MARIA BONITA
Allana Veck foi o mestre de cerimônia



1º Lugar – Casal de Lampião Henrique e Maria Bonita Lilian dos Santos da Junina Flor da Primavera com 77,8 pontos
2º Lugar – Casal da Junina A Roça é Nossa com 74,10 pontos
3º Lugar – Casal da Junina Juabp com 73,5 pontos

Confira as fotos da fotografa Ana Célia Santos.

Um comentário: