segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Vai Quem Quer leva mais 100 Mil


No último sábado (25) a “Banda do Vai Quem Quer” desfilou na capital, levando mais de 100 mil pessoas para as avenidas de Porto Velho. A concentração do bloco iniciou por volta das 14h na avenida Carlos Gomes, dando inicio ao percurso as 17h. São (37) anos de tradição e como de costume, a Banda traz uma marchinha diferente como tema da brincadeira a cada ano, que nesse fez uma crítica ao cenário da política brasileira “Contra as maracutaias e a impunidade: a Banda do Vai Quem Quer promove alegria de verdade”.

A festa começou por volta das 17 h quando a diretoria da Banda saiu da sede arrastando o público pela avenida Carlos Gomes até a concentração do evento, Siça Andrade, atual presidente do bloco e também filha do Manelão (fundador) muito emocionada fez um discurso e autorizou a largada do bloco mais esperado pelos foliões.

São 37 anos de tradição, agradeço primeiramente aos foliões que aqui estão. Vamos fazer um Carnaval da paz. E como dizia meu pai, para a tristeza de poucos e alegria de muitos a banda tá na rua”, disse Siça Andrade.

O público presente pode se divertir ao comanda das marchinhas que marcaram e marcam os melhores momentos da “Banda do Vai Quem Quer”. A segurança ficou por conta do Batalhão de Polícia Militar.


Segundo o Coronel da (PM), Alexandre Almeida, 350 policiais estavam presente fazendo a segurança do bloco.

A gente está mantendo a segurança dos foliões, fiscalizando a interdição de via e evitando para que não tenha embriaguez ao volante desse pessoal que está no trio. A gente já passou o bafômetro em todos eles, já conferimos a habilitação e agora estamos fazendo somente a segurança para que as pessoas estejam na via brincando à vontade, são 350 policiais fazendo a segurança no evento, está tudo sob controle”, disse.


Encontro de foliões de todos os lugares do Brasil


A “Banda do Vai Quem Quer” é considerada o maior bloco da região Norte, juntando gente de todas as raças e crenças. É um momento de diversão e união entre as pessoas, homens se vestem de mulher, mulheres se vestem de homens. Tudo isso para deixar o momento com clima descontraído e que já virou tradição para os foliões assíduos da Banda.

Mesmo com todo glamour e festa do Carnaval da Bahia, a foliã Simone Martins Silva, moradora de Porto Seguro (BA) veio curtir o Carnaval de Porto Velho.

É diferente, mas eu to adorando. Vim para conhecer, acho importante poder conhecer coisas novas, a Bahia tem um Carnaval lindo, mas eu gosto de coisas novas”, disse Simone.

Percusso

O bloco desfilou pelas avenidas Carlos Gomes, Joaquim Nabuco e Sete de Setembro encerrando as 20h a pedido da (PM) que subiu em cada trio pedindo para desligar o som. Por conta do atraso inicial de uma hora o bloco não conseguiu finalizar o percurso dentro do horário estabelecido. O inicio estava previsto para começar as 16h, mas só as 17h foi dado a largada e por conta disso o percusso foi comprometido deixando mais de 100 mil foliões alvoriçados na avenida.

O trio principal que puxava o bloco foi obrigado a parar ainda próximo a Campos Sales, o segundo trio estava na Terreiro Aranha e o terceiro e último trio ainda estava próximo a Marechal Deodoro.

A Polícia Militar levou aproximadamente uma hora para dispersar os foliões que se mantiveram na avenida Sete de Setembro.

Por: Woarlen Watanabe​


Lenha Fogueira 25.02.17

Quantos foram, quantos não foram, não interessa, o importante foi que a Banda do Vai Quem Quer mais uma vez, provou que o carnaval de rua de Porto Velho é ela. Apesar da chuva que caiu sobre a cidade justamente no horário marcado para a concentração.
*******
Eram três e meia da tarde e a Siça me chamou para informar que a saída, atrasaria. Ela estava preocupadíssima: “Sílvio não tem quase ninguém na avenida”. Realmente o público até aquele momento ainda era muito pequeno. Preocupado com o possível atraso por mais de meia hora, me desloquei até a praça das Caixas D'água e para minha surpresa, da esquina da rua José de Alencar local onde estava o trio mãe (onde vai a Banda da Banda) para a Farquar, estava lotado de gente. Imediatamente liguei para a presidente e informei: “Siça, tem mais de 20 mil foliões na praça das Caixas D'água”
*******
Outro fato que gerou o “atraso” foi a PETRAN que solicitou meia hora após a chuva, para retirar os carros que estavam estacionados nas ruas do circuito da Banda. Assim que o comando da PTERAN deu o OK Siça se deslocou até o local do início do cortejo e mais uma vez pronunciou a frase criado por seu pai Manelão: “Para tristeza de poucos e alegria de muitos, a Banda está na ruaaaaaaaa”
*******
Seria o melhor e mais tranquilo desfile da Banda do Vai Quem Quer, não fora uma pisada feia de bola, por parte da diretoria (sou um dos fundadores do bloco). Acontece que quando solicitamos a licença para desfilar, temos que postar no documento o horário de início e término da apresentação.
*******
E confiantes de que tudo ocorreria na maior tranquilidade, informamos que o desfile da Banda aconteceria entre as 16 e as 20 horas do dia 25 de fevereiro de 2017.
********

Como já dissemos, a chuva e a solicitação da Petran atrasou a saída em meia hora. Mesmo assim, um oficial da Policial Militar cujo nome me falha nesse momento, ainda na sede da Banda foi consultado pela presidente, da possibilidade da PM, liberar mais meia hora de desfile, ou seja, concordar que o término do cortejo fosse as 20h30 (Oito e Meia da Noite), o oficial na sede da Banda concordou. Só que não avisou ao Comandante do Contingente que estava operando durante o desfile do bloco resultado:
********
Sabendo que a autorização para o desfile da Banda terminaria as 20 horas e como não foi avisado da autorização de mais meia hora, em virtude da chuva. O oficial de plantão, não concordou com os argumentos da presidente Siça e da assessora de comunicação Yalle para que permitisse mais alguns minutos de desfile, pois o Trio Elétrico com a Banda da Banda já estava nas proximidades da rua Campos Sales, Faltando menos de 500 metros para o término do desfile.
*******
O oficial não foi em nenhum momento compreensivo, deixou tudo quanto foi coerência de lado. Por apenas 15 minutos a Banda não chegou ao local previsto para o encerramento do desfile. E mais, o cidadão oficial da PM cujo nome prefeito não citar: Justificou sua incoerência da seguinte maneira.
*******
Estou ha mais de quatro horas carregando esse equipamento que pesa mais de DEZ QUILOS (10 KG) isso cansa, vocês vão ter que parar a Banda agora”! Não concordei com os argumentos do oficial, e lhes disse o quanto lamentávamos sua falta de compreensão. Tivemos que bruscamente avisar o público que “Por falta de compromisso com as nossas tradições culturais, por parte do governo estadual, teremos que encerrar o desfile da Banda do Vai Quem Quer nesse momento”.
********
Infelizmente ainda temos que aturar esse tipo de incoerência. Também, quem manda não saber redigir um Requerimento solicitando o horário do início e término do desfile.
*******

Bem feito! Quem mandou querer ser o responsável pela diversão de mais de 150 mil foliões!

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Hoje é o melhor dia, tem Banda do Vai Quem Quer


Em seu 37° desfile, a Banda do Vai Quem Quer vai sair cantando a marchinha do Altair dos Santos Lopes – Tata, “Contra as Maracutais e a Impunidade, a Banda Promove a Alegria de Verdade”.
O maior bloco da região Norte segundo a edição de fevereiro da revista Cláudia, a Banda do Vai Quem Quer, se apresenta na tarde/noite deste sábado 25, pelo circuito Caiari Avenida Carlos Gomes Joaquim Nabuco, Sete de Setembro até a Rogério Weber. A concentração está marcada para 14 horas na Praça das Caixas D'água e a saída as 16 horas. “Desde o ano passado resolvemos promover o início do nosso desfile as quatro horas da tarde. Assim os pais podem levar seus filhos menores, pois de dia o fator segurança é bem melhor”, disse a presidente Siça.

Com muita sorte o folião descuidado ainda pode conseguir comprar a camiseta, na sede do bloco, à rua Joaquim Nabuco entre a Carlos Gomes e a D. Pedro II ao preço de R$ 40. “Vamos atender somente até o meio dia”, informa a assessora de comunicação Yalle Dantas. A Banda da Banda comandada pelo Silvinho deve começar a esquentar os foliões, a partir das 15h30 tocando marchinhas e frevos tradicionais. A largada propriamente dita, será impreterivelmente as 16 horas. “Salvo se estiver chovendo torrencialmente”, informou Sicília Andrade. “Serão quatro horas de muito carnaval”, finalizou o Maestro Silvinho.

Boneco dos Dinosauros no desfile da Banda

Uma das atrações do desfile da Banda do Vai Quem Quer em comemoração aos 37 anos de carnaval, será o desfile dos Bonecos estilo bonecões da Olinda, em homenagem aos carnavalescos Manelão o General da Banda, Sílvio Zekatraca Santos e Bainha mais os bonecos dos “Dinossauros” Everton Leoni, Beni Andrade, Sérgio Pires, Léo Ladeia e Jorge Peixoto mais o do Paulo Andreoli do Rondônia ao Vivo.
O responsável pela confecção dos bonecos é o artista escultor Young Blood que atualmente reside em Manaus. “Vim a Porto Velho passar as festas de ano novo com minha filha e ao visitar a sede da Banda, mostrei a Siça, o trabalho em bonecos, que fiz com os apresentadores do programa “Paneiro” da Rede Amazônica, ela gostou e logo de cara, encomendou os bonecos do Manelão, Sílvio Zekatraca e o do Bainha e tinha que ser feito a toque de caixa, já que seriam apresentados na inauguração do Calçadão Manelão”. Sobre os demais bonecos que estarão desfilando na Banda na tarde de hoje, Young explica. “A Siça foi participar de uma entrevista na SIC TV e por lá comentou com o Everton sobre a participação dos integrante do programa Papo de Redação conhecidos como ”Os Dinossauros”, representados por bonecões no desfile da Banda. Everton aceitou e então fez contato comigo e então saiu os bonecos dos Dinos da comunicação de Porto Velho”, explica o artista.
A BANDA LAVA TUDO

Autor: Altair Santos (TATA)

A banda lava tudo que é ruim
E enxuga sem pano de prato
A banda lava ódio, desamor
É alegria no ato, sem boato
Anote aí seu dotô
Isso sim é lavajato!

Lava a mente de quem anda
Desalmado, revoltado
Lava essa mania de rato
Que deixa o povo sem comida, sem emprego, isso é fato,
Sem saúde e até
 sem sapato

Sai pra lá maracutaia
Cuidado ta justa
 
Tua saia
Chuta o balde
Meu povo
Chega junto minha cidade
Com a banda do vai quem quer
Nesse mar de alegria de verdade!"

Semtran interdita as ruas neste sábado

A partir das 7h deste sábado, 25 de fevereiro, as ruas do percurso feito pela Banda do Vai Quem Quer serão bloqueadas, o trajeto inicia na avenida Carlos Gomes e ruas Joaquim Nabuco, 7 de Setembro, Rogério Weber. A partir das 12h a interdição será total por parte da Secretaria Municipal de Trânsito (Semtran).
A atuação dos agentes de trânsito se dará nos principais pontos da cidade disciplinando e canalizando fluxos de veículos onde se fizer necessário, garantindo trânsito seguro. Equipes de agentes terão a missão de controlar as vias de acesso no trajeto da Banda, garantindo uma travessia segura para os pedestres.


quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Lenha 24.02.17


Quando o Abelardo Castro era secretário da Secet realizou o 1° Seminário Estadual de Cultura do Estado de Rondônia. O encontro aconteceu no município de Rolim de Moura. A época, eu fazia parte de um grupo de Chorinho que tinha o João no Bandolim e o Haroldo Dori no violão de Sete é claro que eu fazia a percussão.
********
Fomos contratados para animar os intervalos das palestras. Acontece que os representantes dos demais municípios achavam que a gente estava representando Porto Velho e não merecíamos tanta mordomia pois, eles estavam alojados na quadra de esportes de um colégio e nós estávamos no melhor hotel da cidade.
********
Foi formada uma comissão que solicitou explicações do secretário Abelardo sob o porque de os representantes de Porto Velho, estarem num hotel e os demais num alojamento dormindo em colchonetes etc.
********
Abelardo explicou que não estávamos representando o município de Porto Velho. Na realidade o representante de Porto Velho nomeado pelo então prefeito Chiquilito Erse, era o Jorge do Areal (que chegou a ser Rei Momo). Abelardo fez um discurso daqueles que só ele sabia fazer e convenceu os representantes dos demais municípios que merecíamos estar hospedados em hotel. “Hoje vamos todos almoçar juntos e nossos colegas músicos vão tocar para a gente”. Os aplausos ecoaram pelo ambiante e todo mundo ficou feliz.
*******
Sempre que nos encontrávamos, ele lembrava de algum lance que passamos juntos em ossas vidas boêmias. A família do Abelardo foi arredantária do Porto Velho Hotel e Agente representante da Paraense Cia Aérea.
*******
Na minha opinião quem acabou com a carreira politica do Besó foi seu Guru Jerônimo Santana. Acontece que Abelardo e o Paulo Struthos tinham sido eleitos com o maior número de votos entre os vereadores e é claro, que a próxima cartada, seria sair o Abelardo para deputado federal e o Paulo para estadual ou vice-versa. Jerônimo com medo de perder a liderança para aqueles meninos, sendo o cacique maior do MDB, convenceu os dois a saírem a Deputado Federal, dividindo votos. Nenhum nem outro consegui se eleger, nem para federal naquela eleição e nem para nenhum cargo, nem mesmo para vereador. Foi o grande golpe aplicado por Jerônimo Santana o Bengala, contra as novas lideranças do PMDB que estavam surgindo e assim, ele reinou até chegar os Raupps.
*******
Como a vida tem que continuar. Hoje quem se apresenta no carnaval de rua de Porto Velho é o bloco Us Dy Phora do Bosco e família Siqueira. A turma vai se reunir a partir das 17 horas na rua 13 de Setembro e vai brincar carnaval em vários ritmos até as cinco horas da madrugada de sábado. Serão 10 horas de folia.
*******
É por isso que Us Dy Phora é o bloco que mais vende abadá. O desfile mesmo começa a meia-noite e vai até as cinco da madrugada. Vamos nessa que a festa vai ser boa;



********
Por falar nisso, mais uma vez tem gente querendo faturar em cima da Banda do V ai Quem Quer. Vi nas redes sociais que estão vendendo camarote para assistir a Banda passar em algum ponto da Carlos Gomes. O valor se não estou enganado é R$ 100.
********
O problema, é que com certeza, os responsáveis pelo camarote que estão dizendo da Banda do Vai Quem Quer, não pertencem a diretoria do bloco comandado pela Siça Andrade também não cumpriram com um bocado de exigências que envolve a segurança de quem estiver brincando carnaval no tal camarote.



********

Lembram do caso da MIMOSA, pois é. Muito cuidado com essas promoções. Não caiam na lábia de aventureiros querendo faturar em cima do nome da Banda do Vai Quem Quer. A Siça Andrade nos informou que a Banda não tem nada a ver com a comercialização desse camarote. “É tudo picaretagem”. Será?

Us Dy Phora se responsabiliza pela animação nesta sexta


Em seu 11° desfile como bloco carnavalesco, Us Dy Phora promete realizar um super show que segundo sua organização vai durar 10 horas.
Realmente, as atrações que a família Siqueira vem divulgando garante todo esse tempo de folia; Banda Groove Bom, Grupo Me Pega, Kryssia Ugalde e Banda, Thais e Yhaina e Tops DJ Willimes, Nik Top e Wilkes Duany e mais uma Banda especializada em marchinhas e frevos. Todos estarão no trio elétrico Mamoré na tarde noite desta sexta feira 24.
A sede do bloco fica à rua 13 de Setembro no Areal. Us Dy Phora é o bloco que mais coloca foliões vestidos com o abadá. “Acontece que facilitamos a compra parcelando inclusive no cartão de crédito”, explica o presidente João Bosco.
De acordo com programação distribuída pela comissão de carnaval da prefeitura de Porto Velho, o bloco concentra a partir das 16 horas na rua 13 de Setembro. “As ruas por onde o bloco vai desfilar estarão interditadas a partir das 15 horas”, informou o presidente da Comissão de Carnaval Eudes.
O Bloco Us Dy Phora nasceu de uma dicidência na diretoria do bloco Canto da Coruja no carnaval de 2006, já no carnaval de 2007, os foliões de Porto Velho ficaram surpresos com o anúncio de que, desfilariam. saindo praticamente do mesmo local e na mesma hora, os blocos “Canto da Coruja” e o bloco “Us Dy Phora” o primeiro dirigido pelo Cesinha e o segundo sob o comando da família Siqueira. Felizmente tudo deu certo e as duas agremiações carnavalescas dividiram o espaço atrás do Centro do Menor, em harmonia por alguns anos.
Hoje apenas Us Dy Phora está se apresentando pois, o Canto da Coruja parou. O sucesso do bloco do Bosco é atribuído a diversidade rítmica que é desenvolvida em seu desfile. “Tocamos todos os ritmos em nosso desfile, daí conseguirmos a adesão de públicos que apesar de gostarem de ritmos diferente, tem em comum, brincar o carnaval, não interessa se dançando funk, rock, dance ou marchinhas e frevos”, destaca Bosco Siqueira.

Os abadás do bloco ainda podem ser adquiridos na sede da rua 13 de Setembro. Melhores informações: 99254-4114.

Adeus a Abelardo Towner de Castro – Besó

Rondônia perdeu no dia de ontem 23, um de seus filhos mais carismáticos, seja como estudante, professor, político ou administrador público, Abelardo Towner de Castro Filho também conhecido como Abelardinho e para os mais íntimos como Besó.
O João Paulo das Virgens postou muito bem, no grupo “saudosismo portovelhense”: Abelardo o paraense naturalizado portovelhense. Realmente Abelardo apenas nasceu no estado do Pará sua infância, adolescência e toda vida foi em Porto Velho.
Na juventude Abelardo foi presidente da União Rondoniense dos Estudante – URES onde se destacou como ótimo orador. Quando veio a Revolução de 1964 destacou-se como opositor ao regime militar e ajudou a criar o MDB. Ferrenho defensor do líder maior Jerônimo Santana foi o criador juntamente com seu cunhado Negão (Lucini Pinheiro Filho) do refrão que firmou o codinome “Bengala”. “Bangala neles Jerônimo, Bengala neles...”. Se elegeu vereador por duas vezes em 1972 e em 1976. Na Câmara segundo registra Das Virgens foi defensor dos colonos, seringueiros, ribeirinhos e garimpeiros.
Foto do acervo do Ivo Feitosa
Abelardo tentou por duas vezes se eleger deputado federal quando o Território de Rondônia tinha direito a apenas duas vagas na Câmara dos Deputados em Brasília. Quando Rondônia passou a estado se candidatou a deputado estadual não logrando êxito, porém quando o PMDB assumiu o governo estadual em meados da década de 1980, foi secretário de Cultura desenvolvendo ótimos projetos em prol dos movimentos culturais de Rondônia
Abelardo Castro era um homem sem medos e enfrentava a todos e tudo. Foi um destemido pioneiro que hoje brilha no Céu de Rondônia.

Abelardo Castro por tudo que fez por Rondônia merece todas as considerações e honras. Descansa em Paz!

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Lenha na Fogueira - 23.02.17




Eu vou cantar de galo hoje a noite, no Galo da Meia Noite! Pode me procurar no meio dos foliões que você vai me encontrar ao lado do meu amor Ana Santos.
********
Acontece que é no Bloco Galo da Meia Noite que brincamos carnaval, pois na Banda do Vai Quem Quer, só trabalhamos. O Galo da Meia Noite no desfile em comemoração ao seu Jubileu de Prata tenho certeza, vai nos proporcionar um belo carnaval, pois segundo sua coordenação, a Banda Carijó só vai tocar marchinhas dos compositores locais e as do carnaval tradicional, além de frevos e samba enredo.
********
Pois é, a partir de hoje o carnaval só termina no dia 4 de março. Aliás dá uma trégua, pra retornar no sábado de aleluia, com os desfiles das escolas de samba. Afinal de contas, estamos em Porto Velho Rondônia onde a valorização da cultura local é coisa rara.
********
Está acontecendo em vários sites locais uma desinformação, provocada por uma entidade carnavalesca.
********
Acontece que o diretor do Bloco Carna Leste senhor Sidney fez publicar, que por falta de estrutura o CarnaLeste não vai acontecer.
********
Em virtude da nota, divulgada por um bocado de sites, muitos têm ligado para este colunista querendo saber se vai ou não, acontecer desfile de bloco carnavalesco na Zona Leste.
********
Vai sim amigos! No próximo domingo dia 26, desfila na avenida Mamoré com a concentração na Mamoré esquina com a Vieira Caula o bloco ARCO IRIS.
********
O ARCO IRIS vai da Caula até a Alexandre Guimarães. O início do desfile é as 18 horas. Não tem venda de abadá. No Arco Iris o importante é o folião brincar fantasiado com a fantasia que achar melhor.
********
Prestem atenção, o Carnaval na Zona Leste vai acontecer no próximo domingo dia 26 com o desfile do Bloco Arco Iris e provavelmente o Bloco do Clube do Reggae.
*******
Quem não vai desfilar na Zona Leste, é bloco do Sidnei. Aliás todo ano o Sidnei faz propaganda e seu bloco não sai de lugar nenhum. Pra complicar ele ainda diz que é o CarnaLeste que não vai acontecer. Não confunda bloco Carna Leste com o carnaval da Zona Leste o verdadeiro CarnaLeste.
********
Quem vai reunir seus admiradores neste final de semana, é o que restou do Bloco Canto da Coruja. A reunião carnavalesca familiar, vai acontecer em frente a casa do Cezinha por detrás do Centro do Menor ou Igreja de Nossa Senhora de Fátima no bairro do Areal.
*******
Outro bloco que não vai desfilar, mas, vai reunir, é o Calixto que segundo a tradição, vai concentrar no Bar do Calixto segunda feira dia 27 a tarde.
*******
Amanhã é o dia do bloco Us Dy Phora considerado o bloco que mais leva folião vestido com abadá. Se alguém souber o motivo do Bosco e sua turma vender tanta camiseta, informe os demais donos de blocos.
*******
Parece mentira, mas, o carnaval está quase acabando. Falta menos de uma semana. Ai quarta feira ingrata, chega tão depressa, só pra contrariar...
*******
Por falar nisso, o governo resolveu cancelar o cancelamento do feriado de segunda feira de carnaval dia 27.
********
Quer dizer. Segunda feira dia 27 vai ser Ponto Facultativo ou será Feriado em comemoração ao dia do Comerciário?
********
O certo, é que os órgãos públicos estaduais não funcionarão segunda feira de carnaval. Bom para quem gosta de brincar carnaval nos blocos de Porto Velho. Domingo é o dia do MURUPI o bloco dos professores. Se tivesse trabalho na segunda feira, muitas escolas teriam que dispensar seus alunos pela falta dos professores.
*******

Alô, seu Cabo Omar o Galo da Meia Noite, já vai se mandar, prepare uma cerveja bem gelada, presta atenção Buchada avisa o Ocampo que a Festa Vai Começar!

Galo da Meia Noite desfila festejando 25 anos


O carnaval de rua de Porto Velho, tem como atração na noite desta quinta feira 23 e madrugada de sexta 24, o desfile do segundo maior bloco de trio da cidade, o Galo da Meia Noite.
Segundo a coordenação de carnaval da Funcultural, as vias das proximidades da área de concentração do bloco, serão interditadas a partir das 15 horas, enquanto a diretoria do Galo informa que a Banda Lua responsável pelo esquenta, começa a tocar às 20 horas, no terreiro do Carijó a rua Rogério Weber entre a Duque de Caxias e a Pinheiro Machado. “Nos 25 anos do nosso cordão queremos oferecer o melhor carnaval aos nossos foliões”, disse Carlinhos Castro. O desfile propriamente dito está marcado para iniciar a meia-noite com a Banda Carijó comandada pelo Maestro Mário Nílson tocando as marchinhas dos compositores do bloco. “Pela primeira vez o Galo da Meia Noite vai desfilar tocando as marchinhas de seus compositores” disse Mário Nílson.
Foram quatro ensaios realizados no Calçadão Manelão que serviram para os músicos aprimorarem o repertório que será apresentado no desfile dos 25 anos do bloco comandado pela família Corbim/Caula e que tem como matriarca senhora Dona Iolanda O presidente Benjamim Mourão está confiante no sucesso do bloco. “É uma nova etapa do Galo que a partir de agora, só vai cantar marchinhas, frevos e samba enredo. Acabou a era do axé em nosso bloco”, desabafou o presidente. Mourão também garantiu a nossa reportagem, que toda documentação exigida pelos órgãos públicos municipais, estaduais e federais está em dia. “Esperamos apenas que São Pedro colabore proporcionando uma noite sem chuva para que nosso desfile seja coroado de sucesso”.


Galo no Palácio do Governo

O ensaio geral da Banda Carijó aconteceu na manhã de ontem 22, nas escadarias do edifício Rio Pacaás Novos do Palácio Rio Madeira atendendo convite da Superintendente da SEGEP Helena Costa Bezerra cujo objetivo era proporcionar aos funcionários do CPA, momentos de descontração e lazer. A apresentação do Galo da Meia Noite nas escadarias do Pacaás reuniu dezenas de funcionários, inclusive muitos fantasiados. O vice-governador Daniel Pereira coroado como Rei do Carnaval do CPA falou em nome do governador Confúcio Moura desejando a população de Porto Velho “um carnaval com muita paz e animação e o que é mais importante, sem violência”. A Superintendente Helena Bezerra disse da satisfação em receber o Galo da Meia Noite no Palácio do Governo. “É carnaval e portanto, é tempo de muita alegria. Feliz reinado de Momo a todos”, finalizou.

Serviço

Desfile do Galo da Meia Noite
Concentração – A partir das 20 Horas na Rogério Weber entre a Duque e a Pinheiro
Banda do Esquenta – Banda Lua
Banda do Desfile – Banda Carijó
Abadá – R$ 40 na sede da Rogério Weber

Saida do Bloco – Meia Noite

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Lenha na Fogueira - 22.02.17

Hoje é o aniversário dela
Se depender da equipe do governo estadual leia-se Sejucel, os desfiles das escolas de samba de Porto Valho estão garantidos.
********
O pregão da estrutura já foi realizado, o que quer dizer, que a montagem das Arquibancadas, Camarotes, Sonorização e Iluminação da Passarela Edson Fróes estão garantidas. Pelo menos este ano, as escolas de samba não ficarão estressadas como aconteceu no ano passado quando a Sejucel demorou a concluir o processo de contração da empresa ou empresas responsáveis pela estrutura do nosso “sambódromo”.
********
Agora só falta a prefeitura de Porto Velho via Funcultural providenciar o mais rápido possível, o repasse às escolas de samba, dos recursos financeiros para que as mesmas comprem o material para confecção das fantasias.
********
Na realidade, o que estamos vendo, é a falta de movimentação de algumas escolas de samba. Quem estar se mexendo mesmo de verdade, são as escolas Asfaltão, São João Batista, Unidos do Rádio Farol e Acadêmicos da Zona Leste. O resto parece não estão acreditando que vai haver desfile. Até a Diplomatas do Samba tá “encolhida”. Dizem inclusive, que o Jair Monteiro assim que passar o carnaval, vai assumir a escola. Tomara, Com a direção que a vermelho e branca tem, o caminho é a falência.
*******
Aliás, as únicas escolas que não mudaram o enredo, no grupo especial foram: Acadêmicos do São João Batista e Asfaltão, as demais optaram por colocar na avenida, o enredo que sairia em 2014, sobre o centenário de Porto Velho. Diplomatas e Império do Samba. No grupo de acesso só quem tem enredo novo é a Unidos do Rádio Farol que vai contar a história do artista plástico João Zoghbi.
*******
Tem mais uma coisa, até ontem a prefeitura de Porto Velho não havia publicado o Edital de Chamamento Público que tem como objetivo, contratar
uma entidade para administrar os recursos que serão passados às escolas de samba.
*******
O mês de fevereiro já está chegando ao fim e o Edital das Escolas de Samba nada. Será que vamos nadar no seco. Dessa vez não vão poder dizer que os desfiles foram transferidos por culpa da Sejucel. A estrutura já foi licitada, falta agora o dinheiro para os carnavalescos trabalharem seus enredos.
********
Enquanto isso, até o presente momento o melhor bloco que já se apresentou este ano, foi o Areal Folia, inclusive o bloco do Gato Félix foi o que colocou maior número de foliões na avenida. Segundo estimativas da PM mais de 10 mil brincaram carnaval no bloco do Areal.
********
O Até Que a Noite Vire Dia deste ano, não repetiu o sucesso dos anos anteriores. Talvez por causa da chuva que desabou sobre o circuito do Areal na noite do último sábado 18, os foliões que marcaram presença no Bloco do Mocambo foram considerados pouco.
********
Já o Vai e Volta não tem a pretensão de encher seu cordão de foliões, é um bloco mais família. Apesar de que até agora, foi o único bloco onde se registrou fato policial, quando uma brincante riscou com uma faca de mesa, o braço de um folião. O risco provocou a sutura com mais de 10 pontos. Então foi facada mesmo!
********
Bom! Agora só a partir de amanhã 23, teremos carnaval de rua em Porto Velho. Se o Bombeiro deixar, o Galo da Meia Noite concentra a partir das 19 horas e começa a desfilar a Meia Noite. Tá na hora de cantar a versão diferente de uma das melhores marchinhas. Assim: Com Bombeiro ou sem Bombeiro ô ô eu brinco...
********
pra encerrar. A Banda do Vai Quem Quer promove na tarde de hoje, aniversário do meu amor Ana Célia, carnaval na Casa do Ancião.
********

Você é muito mais que musa, é a minha verdade. Parabéns meu amor Ana!

Vai Quem Quer faz carnaval na Casa do Ancião

Musas da Banda se apresentam na Casa do Ancião
A Banda do Vai Quem Quer realiza na tarde desta quarta feira 22, ação na Casa do Ancião da Tenreiro Aranha com a Paulo Leal que consta da entrega de cestas básicas montadas com os alimentos doados pelos foliões que trocaram pelo copo personalizado.
Os idosos da Casa do Ancião, também terão a oportunidade de brincar carnaval com as marchinhas da Banda do Vai Quem Quer. “Esperamos que todos se divirtam com nossas marchinhas e frevos”, disse a presidente Bicilia Andrade a Siça.
As Musas da Banda estarão se apresentando, enquanto a diretoria do bloco fará de tudo para os idosos entrarem no clima carnavalesco. Após a ação de hoje a Banda só volta a se apresentar no sádo dia 25 quando estará desfilando pela ruas do cen tro histórico de Porto V elho, Carlos Gomes, Joaquim Nabuco, Sete de Setembro até a Rogério Weber.
Camisetas

Os foliões que quiserem brincar dentro da corda do trio que leva a Banda da Banda, ainda podem adquirir a camiseta nas Lojas Capri, Loja Real ou na sede da Banda à rua Joaquim Nabuco entre a D. Pedro II e a Carlos Gomes. A Banda começa a se concentrar as 14 horas na praça das Caixas D1água e a saída está prevista para as 16 horas. “Desde o ano passado optamos por desfilar de dia, pois, assim fica mais seguro e os pais podem levar seus filhos menores para brincar carnaval na Banda”, disse Siça.

Livro conta a história do poeta Vespasiano Ramos

O escritor Julio Olivar lança mais um livro
O jornalista Júlio Olivar lança em março, em Porto Velho, o livro “O poeta que morreu de amor” (Editora Temática, 124 páginas) que conta a história do poeta Vespasiano Ramos.
Nascido no estado do Maranhão, Vespasiano morreu em Porto Velho em 1916, aos 32 anos. Na época, ele estava lançando seu primeiro e único livro, “Cousa Alguma”, que foi muito bem recebido pela crítica especializada do Brasil, principalmente na então capital da República, o Rio de Janeiro.
Personalidade controvertida e boêmio inveterado, veio do Maranhão para Porto Velho fugindo de um amor mal resolvido pela sua musa inspiradora. Acabou sendo “vítima” deste sentimento quando enveredou pelas noites sem-fim que o mataram aos poucos.
A biografia está contextualizada à história da terra natal do poeta, Caxias (MA) - cidade em que também nasceu Gonçalves Dias e tantos intelectuais reconhecidos nacionalmente - e à formação da atual capital de Rondônia que tinha apenas um ano de instalação quando Vespasiano aqui aportou e morreu; faz um passeio pela vida sócio-cultural e a relevância da presença do poeta naquela fase e nos anos que se seguiram em Porto Velho.
O poeta que morreu de amor” é o sexto livro de autoria de Júlio Olivar, atual presidente de Academia Rondoniense de Letras. A obra traz fotos, documentos e depoimentos inéditos, sendo prefaciada pelo jornalista Domingues Júnior e apresentada pelo escritor William Haverly Martins.
SERVIÇO/Lançamento do livro "O poeta que morreu de amor"
* Local: Biblioteca Francisco Meirelles
* Data: 14 de março

* Horário: 19h

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Samba, suor , chuva e cerveja – É carnaval


O carnaval de rua de Porto Velho, reuniu centenas de foliões nos eventos do último sábado dai 18.
Tudo começou com o desfile do bloco Pirarucu do Madeira que saiu por volta das 17 horas e terminou justamente no Calçadão Manelão, onde estava iniciando o ensaio geral do Galo da Meia. “É como se diz no futebol, o Pirarucu entregou o clima carnavalesco de bandeja para a Banda Carijó”, disse Segismundo.

Antes das 21 horas, a mestre de cerimônia do Galo da Meia Noite Consola Vílson Frota anunciou, a apresentação da escola de samba Acadêmicos do São João Batista que entrou com a bateria “Treme Terra” comanda pelo Mestre Silfarney e foi recebida com um show pirotécnico digno de réveillon, e veio a equipe de intérpretes com o Banana Split, Thiago Paiva, Sílvio Santos e Cristiane, Porta Bandeira Terezinha e Mestre Sala João, as passistas “Treme Terra” lideradas pela Dulce Silva e a Rainha das Rainhas de Bateria Jak Dalia. O presidente Pai Beto disse que “Esse é apenas pequeno quadro do que apresentaremos na passarela do samba no dia 15 de abril”.

Até Que a Noite Vire Dia

A equipe do Diário da Amazônia, do Calçadão Manelão se deslocou para o bairro do Mocambo onde os foliões estavam concentrados na praça São José para o desfile que começou a meia-noite do bloco “Até Que a Noite Vire Dia”. “Apesar da chuva o bloco foi animado até as quatro da madrugada.
Na noite de sábado também tivemos o desfile do bloco “Vai e Volta”.
O carnaval de rua de Porto Volta a acontecer na próxima quinta feira 23, com o desfile do bloco Galo da Meia Noite

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Até Que a Noite Vire Dia - Vai e Volta no Pirarucu

O carnaval de rua de Porto Velho continua na noite deste sábado 18, com as apresentações dos blocos Pirarucu do Madeira, Até Que a Noite Vire Dia e Vai e Volta. Os três blocos se apresentam para públicos destintos.




Pirarucu do Madeira




O Pirarucu do Madeira concentra a partir das 14 horas, na avenida Pinheiro Machado ao lado do Complexo Esportivo Deroche Pequeno Franco e começa a desfilar as 16 horas. “Temos que começar na hora, se não atrapalha o restante da programação carnavalesca de hoje”, disse a diretora Luciana Oliveira. O Pirarucu é um bloco família até porque, o horário da sua apresentação faz com que os pais levem seus filhos, inclusive de colo, para brincar carnaval ao som de frevos e marchinhas tradicionais. É só chegar, pois, no Pirarucu não tem venda de abadá e nem trio elétrico, os músicos vão a pé. A grande atração do bloco são os bonecões no estilo carnaval de Olinda.




Até Que a Noite Vire Dia




Cantando em homenagem a Chapecoense o bloco Até Que a Noite Vire Dia desfila na madrugada de hoje para amanhã pelas ruas do circuito Areal. O bloco que concentra na Praça São José no bairro Mocambo a partir das 20 horas, apesar do pouco tempo de existência, é considerado um dos melhores e maiores da cidade. O presidente Sandro, garante que os foliões que comprarem o abada do bloco não se arrependerão. “A Banda Lua ensaiou um repertório dos melhores que será apresentado em nosso desfile deste ano”.




Vai e Volta





O terceiro bloco a desfilar neste sábado, é o “Vai e Volta”, cuja sede fica na Baixa da União. Segundo a coordenação do bloco, os que estiverem vestidos com o abada terão direito a duas horas de open bar. As barracas de distribuição de cerveja, estarão funcionando na rua Presidente Dutra em frente a residencia do Dr. Jorge de Paula. O Open Bar começa a funcionar as 21 horas e o desfile sai a Meia Noite pela Alexandre Guimarães, Rio de Janeiro, 13 de Setembro, Alexandre Guimarães até o local da saída. Segundo o Diretor Jean abada só via cambistas. Quem vai animar os foliões é a Banda do Gabriel Parada

Lenha na Fogueira - 18.02.17

Hoje é o dia do Pirarucu do Madeira o mais democrático cordão carnavalesco da cidade de Porto Velho. Luciana e Ernande Segismundo este ano, resolveram exaltar o folguedo do Boi Bumba e foram além e prestam homenagem ao saudoso folclorista Raimundo Nonato Guedes, fundador do Boi Az de Ouro.
*******
A comissão de frente do Pirarucu do Madeira contará com a diretoria da Banda do Vai Quem Quer com a Siça comandando..
*******
O bloco que vai concentrar as 15 horas ao lado do Complexo Esportivo Deroche Pequeno Franco só começa a desfilar as 16 horas pelas ruas Pinheiro Machado, Tenreiro Aranha, Carlos Gomes e este ano o término do desfile vai acontecer no Calçadão Manelão justamente onde acontecerá o ensaio do Galo da Meia Noite.
********
E tem mais, é o único bloco de Porto Velho, onde os músicos fazem o percurso a pé, a música é amplificada apenas por um carro de som pequeno.
********
Como já escrevi, o Pirarucu termina no ensaio do Galo no Calçadão Manelão onde a partir das 20 horas, a Escola de Samba Acadêmicos do São João Batista estará se apresentando, com Rainha da bateria Treme Terra Jak Dalia, musa Dulce Silva, Porta Estandarte Terezinha Sorriso, a destaque Ana Célia e Dudinha, a equipe do carro de som liderada pelo Banana Split conta com o Thiago Paiva, Cristiane, Silvinho, Arturzinho do Cavaco; Mestre da Bateria Silfarney Silva. O samba fala sobre o Manelão o General da Folia o Rei da Alegria de autoria do Carlinhos Maracanã e Jair Monteiro a sinopse é do Sílvio Santos e do Pai Beto.
********
Quem assistiu os ensaios que aconteceram durante a semana na Associação Salve Jorge, sabe que será um superespetáculo a apresentação da trupe da Acadêmico9s do São João Batista.
********
Por falar em escola de samba, ontem dia 17, foi o aniversário de fundação da escola de samba Asfaltão: Era 17 de fevereiro de 1971, dia do desfile dos Bloco Tradicionais e Escolas de Samba de Porto Velho (na época, detentora do melhor desfile de carnaval da Região). Neste dia, trabalhadores e trabalhadoras da antiga usina de asfalto, do município, munidos dos seus equipamentos de trabalho, labutavam nos preparos como: limpeza, retoques com cal e pixe na passarela do samba... Ao final, após a dedicação nesta missão, cosumidos pelo cansaço do trabalho, o corpo, alma e o coração pediam algo que os tornassem ainda mais felizes... Foi quando, de posse de seus equipamentos, resolveram cair na folia de Momo e saíram cantando, dançando e pulando num desfile de intensa Alegria, Harmonia e Amor. Parabéns Asfaltão!
********
Com um legado de luta em prol da cidadania e da democracia, a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Rondônia (OAB/RO) completa 43 anos nesse sábado (18). Desde 18 de fevereiro de 1974, data de instalação oficial da entidade, a OAB/RO desenvolve um trabalho em favor da advocacia, da sociedade e em busca constante pela melhor prestação dos serviços da Justiça aos jurisdicionados.
********
Atual diretoria - presidente da OAB/RO, Andrey Cavalcante; vice-presidente, Maracélia Oliveira; secretário-geral, Márcio Melo; secretário-geral adjunto, Eurico Montenegro; e o tesoureiro, Fernando Maia.
*******
Por falar em direito. Hoje desfila o bloco Vai e Volta que tem a frente o Anderson filho do Palito e o Jean Segurança. O Vai e Volta concentra as 19 horas na Presidente Dutra com a Alexandre Guimarães no bairro Areal e começa a desfilar a Meia Noite fazendo o seguinte percurso: Alexandre Guimarães, Rogério Weber, Rio de Janeiro, 13 de Setembro, Alexandre Guimarães até o local da saída. Quem vai animar os foliões do bloco é a Banda do Gabriel Parada.
********

To no Pirarucu do Madeira embaixo da Marise!